De JotaCristo a 6 de Outubro de 2007
Ás vezes os nossos sonhos realizam-se, talvez não da maneira que os sonhamos, mas realizam-se mesmo assim, não é Patrícia?

Talvez os nossos sonhos sejam as realidades de alguém. Ou os sonhos de alguém sejam a nossa realidade. Qual a verdade? Talvez saberemos depois da Morte levar-nos deste plano material de existência. Talvez...
De a_beautiful_smile_has_a_troubled_soul a 6 de Outubro de 2007
Olá Xico! Obrigada pelo comentário!
Este poema é um misto de sonho e realidade, uma incerteza entre os dois. No inicio temos a sensação de realidade, aquele cenário, aqueles cheiros, tudo parece real, certo? Mas depois os olhos abrem-se e afinal não é bem aquilo que parecia...seria um sonho talvez?Mas no fim...última estrofe...alguém se aproxima...e então?Seria tudo um sonho ou realidade? Eu tenho a minha própria interpretação, claro, mas não vou aqui escrever. Deixo ao critério de quem ler o poema!
Beijos e volta sempre****
Comentar:
De
  (moderado)
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Este Blog tem comentários moderados

(moderado)
Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres




O dono deste Blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.